Como pagar INSS como autônomo✅

Uma dúvida muito comum dos cidadãos é como pagar INSS e o que a maioria não sabe é que mesmo aqueles que não possuem carteira assinada podem contribuir com o Instituto Nacional de Seguro Social para que possa usufruir dos benefícios.

No entanto, o que acontece é que nem sempre as informações são claras ou nem sempre sabemos o que fazer para começar a contribuir, pois essa não é uma ação muito conhecida mesmo.

Foi pensando justamente nisso que desenvolvemos esse artigo de hoje e vamos falar um pouco mais sobre como pagar INSS para ter direito as benefícios que ele proporciona, tais como a aposentadoria.

inss autonomo 2020

Afinal, como pagar INSS como autônomo

A primeira coisa que você precisa saber é que se você é empregado e trabalha com carteira assinada, você já está contribuindo com o INSS e já tem direito aos benefícios que ele oferece.

O fato é que o Brasil, economicamente, a situação do Brasil não é das melhores. Embora não possamos dizer que é um verdadeiro desastre, a verdade é que o país já viu dias melhores.

Justamente por isso é que ano após ano vão surgindo novas alternativas de trabalho e, muitas vezes, essas formas levam os trabalhadores a exercerem funções sem registro.

Dentre as que vêm se tornando mais comum nos últimos tempos, podemos citar o trabalho como entregadores de delivery e também como motoristas particulares de aplicativos prestadores de serviços.

O que acontece é que sem a carteira assinada, o trabalhador não está contribuindo para o INSS, ou seja, não está contando tempo para a aposentadoria e não tem direito a benefícios como auxílio doença, salário maternidade e outros.

O fato é que é cada vez maior o número de pessoas que prestam esse tipo de serviço informal como forma de complementar a renda.

O que a maioria desses trabalhadores não sabem é que é possível contribuir para a Previdência de forma autônoma mesmo, garantindo todos os benefícios oferecidos aos trabalhadores brasileiros.

No entanto, para isso, é preciso saber como pagar INSS corretamente.

 

Quem pode contribuir com o INSS

Se você está se perguntando como pagar INSS, a primeira coisa é saber se você está apto a praticar essa modalidade de pagamento como autônomo. No entanto, a verdade é que não existe muita burocracia e nem milhares de regas para que você possa se tornar um contribuinte por conta própria.

De uma forma geral, existem duas regras que parametrizam o pagamento do INSS de forma autônoma, que são as seguintes:

  1. Não é possível contribuir como autônomo se você possui algum tipo de contrato ou carteira assinada. Se o trabalhador estiver nessas condições não será possível realizar a contribuição seguindo os valores da tabela INSS para autônomos
  2. É preciso provar que possui algum trabalho, porém seguindo a primeira regra que foi apresentada, ou seja, sem vínculo empregatício

Sendo assim, se você estiver dentro dessas duas regras, já sabe como pagar INSS e já pode fazer as solicitações para dar entrada como autônomo.

 

Como pagar INSS como autônomo

Se você ainda não sabe como pagar INSS, fique tranquilo pois é sobre isso que vamos falar a seguir.

Para pagar a sua contribuição do INSS a primeira coisa que você precisa fazer é se cadastrar no site do INSS, que pode ser feito por qualquer dispositivo com acesso à internet mesmo.

Se preferir, você até pode ir até uma das agências da Previdência Social, mas isso não é mais necessário hoje em dia, além de não ser nada prático. Mas do que isso, se você optar pelo atendimento presencial, saiba que é preciso realizar o agendamento pelo site também.

No entanto, sem dúvidas, a forma mais prática é fazer a solicitação pela internet mesmo, sem sequer sair de casa.

Então, veja a seguir o passo a passo de como pagar INSS como autônomo:

Seguindo esses passos simples você já saberá como pagar INSS e já estará contribuindo para sua aposentadoria e disfrutar de benefícios sociais.

 

Tabela de contribuição do autônomo

É importante ressaltar que existe uma tabela para o contribuinte individual e facultativo, também chamado de autônomo. Nesse caso, é possível realizar o pagamento de diferentes alíquotas, veja:

  • Com salário de contribuição de até R$ 1.045 a alíquota pode ser de 5% (sem direito a aposentadoria por tempo de contribuição e Certidão de tempo de contribuição)* no valor de R$ 52,25
  • Com salário de contribuição de até R$ 1.045 a alíquota pode ser de 11% (sem direito a aposentadoria por tempo de contribuição e Certidão de tempo de contribuição)** no valor de R$ 114,95
  • Com salário de contribuição entre R$ 1.045 e R$ 6.101,06 a alíquota é de 20% ficando no valor de entre R$ 209,00 (para o salário mínimo) e R$ 1.220,20 (para o teto)

* Alíquota é exclusiva para o contribuinte facultativo de baixa renda

** Alíquota exclusiva para o Plano Simplificado de Previdência

Pronto, agora você não tem mais dúvidas de como pagar INSS de forma autônoma para ter os benefícios que precisa!

Leave a Reply